Review | Filme | Creed II

Chega hoje, 24 de janeiro, nos cinemas de todo o Brasil o filme: Creed 2. Dirigido por Steven Caple Jr. e com roteiro do próprio Silvester Stalone. Com o elenco recheado de estrelas como Tessa Thompson, Phylicia Rashad, Florian Munteanu, Russell Hornsby, Wood Harris. Em Creed 2 temos Michael B. Jordan reprisando seu papel como Adonis Creed, enfrentando o filho de Ivan Drago (Florian Munteanu) com Dolph Lundgren reprisando seu papel como o vilão de Rocky IV.

O filme mostra a continuação da carreira de Adonis Creed (Michael B. Jordan), é uma continuação direta do primeiro filme, a passagem de tempo é mínima. O ritmo do filme é bem acelerado mais para demonstrar a ansiedade do personagem do que um roteiro corrido e sem sentido.
Com um roteiro bem amarrado e sendo bem episódico, não que isso desqualifique ou torne o filme ruim mas mostra uma história emocionante e fechada, tendo pontos de tensão chave e construindo muito bem a tensão e a história que há nesse duelo de Creed x Drago.

A trilha sonora é brilhante e original, sim há momentos chave em que a música original sobe, mas só para termos aquela bomba de nostalgia e para nos segurarmos na cadeira do cinema. A edição de som também se destaca, pois sentado na cadeira do cinema você pode sentir o peso de cada golpe que é desferido em tela e as expressões te colocam ainda mais no ringue.

O filme é original em toda sua grandiosidade, e sim passando definitivamente, quem sabe, o bastão de Rocky para Adonis. Algumas pontas soltas em Rocky são fechadas nesse filme e sim, esse seria um encerramento digno e maravilhoso para a franquia.

Stalone mais uma vez entrega uma atuação impecável e talvez esteja presente em alguma premiação no ano que vem, todas suas falas são cheias de emoção e motivacionais, prevejo muitas delas sendo usadas em palestras mundo a fora.

Creed 2 é uma explosão nostálgica e vale muito a pena ser assistido na tela grande. Por isso corram aos cinemas e assistam essa obra maravilhosa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário