Pular para o conteúdo principal


Review | Anime | Shiki Oriori (O sabor da juventude)


Qual é o sabor da juventude? Difícil responder essa pergunta, porém “Shiki Oriori” ou o “O sabor da juventude”, em português, anime da Netflix, pode ser o caminho para encontrar esta resposta.

Se trata de três histórias, a princípio independentes, porém que se juntam nas entrelinhas. Histórias sobre pessoas, sobre vidas, felicidade e tristeza, encontros e desencontros. Um anime longa metragem para todos aqueles que procuram histórias reais, com os verdadeiros dramas que a vida oferece.

A primeira das três histórias que compõem o filme é “O macarrão de arroz”. Conta a história de um jovem do interior que na adolescência e vida adulta vai para a cidade grande. Suas boas memórias giram em torno de uma tigela de macarrão de arroz pois em sua infância seu maior momento de felicidade era esta refeição com sua avó. Com o passar do tempo, a história vai girando em torno deste eixo. Todas as suas desilusões e tristezas são exploradas a partir desta perspectiva. Um conto sobre como não perder a esperança apesar das circunstâncias.


“Nosso pequeno desfile de moda”, a segunda das três histórias, fala sobre duas irmãs. A mais velha modelo com reconhecimento nacional. A mais nova estudante de moda. Aborda temas como a carreira, até que ponto o trabalho pode prejudicar sua vida, qual o verdadeiro valor que deve ser dado para sua família nessa compensação casa-trabalho. Um conto tocante, temperado com toda a tristeza e a felicidade que a vida oferece, com uma dose de reflexão.

A terceira e última história é “Amor em Xangai”. O amor na juventude e como este se desenrola na vida adulta, as escolhas que fazemos e as oportunidades que deixamos pra trás, são temas abordados através da vida de dois jovens que estudavam juntos e desejam continuar juntos na vida adulta, porém suas escolhas que determinarão seus futuros. Como um quase casal que se comunicava através de fitas gravadas um para o outro enfrentará as consequências de suas escolhas.

O filme foi feito pelos mesmos responsáveis por “Kimi no na Wa” (Your Name), do estúdio Comix Wave, em parceria com a chinesa Haoliners Animation League. Assista o trailer aqui embaixo e corre pra Netflix, pois este é um anime imperdível, que irá aflorar seus sentimentos e irá fazer-lhe pensar na vida. Uma história que deve ser vista e revista com o coração aberto e um lenço para enxugar as lágrimas.



Comentários

Confira também:

Vingadores Ultimato | Crítica SEM SPOILERS

E hoje (25/04) chegou aos cinemas a épica conclusão dos 10 anos de MCU (Marvel Cinematic Universe), Vingadores: Ultimato
Após Thanos eliminar metade das criaturas vivas, os Vingadores têm de lidar com a perda de amigos e entes queridos. Com Tony Stark vagando perdido no espaço sem água e comida, Steve Rogers e Natasha Romanov lideram a resistência contra o titã louco.

Notícia | Segunda temporada de "The Promised Neverland" confirmada

De acordo com a Moetron News, o anime The Promised Neverland teve sua segunda temporada confirmada na Shonen Jump, revista na qual o mangá da obra é publicado.

Confira imagem abaixo.

Minecraft | Novo DLC baseado em Toy Story

"Toy Story 4" chegou aos cinemas essa semana e imagens vazadas na internet sugerem que Minecraft receberá um pack de atualização baseado no filme.


Postado por: Paulinho Siggia|

Rush Wars | Apresentado novo jogo dos criadores de Clash Royale

"Rush Wars", novo jogo da Supercell, criadora de "Clash Royale", já está disponível no Canadá, na Austrália e na Nova Zelândia, para iOs e Android. Ainda não está disponível no Brasil.

Se trata de um jogo de estratégia com alto ritmo, no qual o player terá que destruir as bases inimigas.

Confira o trailer:



Postado por: Paulinho Siggia|

Game of Thrones | Sophie Turner lutou contra depressão durante as filmagens

A atriz falou sobre o assunto durante uma entrevista no canal do Dr. Phil, relatando que começou a entrar em depressão aos 17 anos, quando seus amigos e irmãos se mudaram para estudar e ela continuou morando na casa dos pais para trabalhar em Game of Thrones. O papel na série foi um “catalisador” para a situação, uma vez que ela recebia muitas críticas por sua aparência e atuação nas redes sociais.